Como dizer em inglês: Tava tremendo que nem vara verde – Inglês Online

Como dizer em inglês: Tava tremendo que nem vara verde

By Marcelo - Equipe Inglês Online | Lições de Inglês

Feb 03
Como dizer em inglês Tava tremendo que nem vara verde

Hi, everybody! What’s up?

Aqui é o Marcelo, e hoje eu trago expressões do seriado Modern Family, Season 03, Episodio 13.

Eu separei três expressões usadas nas cenas do episódio. Vejam só onde elas aparecem no vídeo abaixo:

Como de costume, e para ajudar a fixar as expressões em inglês, eu criei um minidiálogo onde elas estão incluídas.

Are you ready? Let’s get started!

English version:

Paul: Ok, Sally, I have bad news for you. Our spokesman got sick so you’ll have to give the speech instead.

Sally: What? Are you out of your mind? Good plan… throw me for a curveball at the last minute.

Paul: Sally, you are perfectly capable of doing it. I don’t wanna take any chances.

Sally: How am I going to give a speech if I’m shaking like a leaf?

Paul: Sally, get a grip. You’ll be fine!

 

Portuguese version:

Paul: Ok, Sally, eu tenho uma má notícia para você. Nosso portavoz ficou doente e por isso você vai ter que discursar em vez dele.

Sally: O que? Você está louco? Que ideia boa… Me dar esse abacaxi pra descascar em cima da hora.

Paul: Sally, você é perfeitamente capaz de fazer isso. Eu não quero assumir risco.

Sally: Como eu vou fazer discurso se estou tremendo que nem vara verde?

Paul: Sally, controle-se. Você vai se sair bem!

 

Key words│Expressions:

• Throw someone for a curveball ─ Colocar, deixar alguém em alguma situação complicada ou embaraçosa e de forma inesperada sem você saber o que fazer. Você pode encontrar algumas variações como Throw someone a curve/curveball“, sem a preposição “for“. O mais comum é a segunda, sem a preposição “for”.

Segue mais um exemplo: My brother threw me a curveball when he slipped the exam’s answers in front of my teacher. (Meu irmão me deixou em uma situação delicada quando ele tentou passar as respostas das provas na frente da professora.)

 

• Take any chances ─ Arriscar-se, assumir algum risco. Um outro sentido desta expressão é tentar a sorte.

Segue mais um exemplo: (Retirado do Dic. Longman) – The rope might break, but that’s a chance we’ll have to take. (O corda poderá se arrebentar, mas é um risco que nós teremos que correr.)

 

• Shake like a leaf ─ Essa expressão é legal. Nós usamos muita a expressão “tremer na base” ou “tremer que nem vara verde”. Lá, uma das coisas que eles dizem é “Shake like a leaf”, ou tremer por estar nervoso, irritado ou amedrontado em alguma situação.

Segue mais um exemplo: Miguel was shaking like a leaf when he stepped onto the stage. (Miguel estava tremendo que nem uma vara verde quando ele pisou no palco.)

 

Quando foi a última vez que you were shaking like a leaf? Ou que someone threw you a curveball? Conte nos comentários!

É isso aí pessoal, por hoje é só!

Take care guys, all the best!

Marcelo - Equipe Inglês Online
  • Natã says:

    There is a song called “Hold me Jesus” from Rich Mullins. The third verse says:

    “Hold me Jesus, because i’m shaking like a leaf”

    As i used to translate it literally, i didn’t get the real meaning..

    Thank you, so much!

  • Íria Carla says:

    I shake like a leaf when I need to talk with him… =S

    Thanks for the tips! (:

  • Vanderval Cavalari says:

    I shake like a leaf when my friends force me to ride those crazy rollercoasters in Florida.

  • Ana Paula Hoffmann says:

    Yes, I shake like a lief when I need speaking in English with someone…

  • Ana Luiza says:

    Everyone – thanks for all the examples. I love reading them! Some great ones here.

  • Nayla says:

    Marcelo,
    Thanks for your great contributions! You and Ana Luíza inspire teachers and students to keep on doing their best to learn English in different ways.
    Congratulations

  • Marcia says:

    HI everybody!
    I’m shaking like a leaf because I’m travelling to London next week, and I’ve never been there before, so that’s a chance to know there! ;) thanks for the tips!

  • Paul W Dixon says:

    I shake like a leaf when I have to go to the dentist, and when the postal officer (a woman in my case, so “postman” is not appropriate) brings a pile of bills!

  • José Lima says:

    I’m learning English, and shake like a leaf when I have to talk to someone in English.

  • Marcelo says:

    Hi, everybody, nice comments here!
    @EducadorZero Your story is really funny hehe. Thanks for sharing with us :-)

  • EducadorZero says:

    Hi, Ana, Hello everybody!
    Well, although I’m shaking like a leaf now, I’ going to try it, because it’s a great opportunity to practice my English, so I’m gonna take any chance, then lets go!

    At a long long time My best friend introduced me a pretty girl and throw me a curveball, because she was with a enormous peace of lettuce in her teeth and I didn’t know how I could tell her it.

    Well I was shaking like a leaf, but I got to say and it was very funny

  • beto says:

    they look to me to understand what I’m saying, since my countrymen look for errors
    what a shame……….see ya

  • Raymundo says:

    The last time I shook like a leaf was when I went up to Brasilia’s TV Tower.

  • beto says:

    I know that’s true, when I speak with native speaker I feel more confortable than when I talk to brazilians people…….sometime they make me shake like a leaf

  • Raymundo says:

    Ana, tenho um amigo americano nascido em Trinidad y Tobago. Certa vez, ele me corrigiu quando
    escrevi ” though “. Ele queria ” although “. Queria que eu escrevesse ” foto ” em vez de ” photo “. Meu
    antigo professor queria que eu falasse ” either ” (ai) em vez de ” either ” (i). Em todos esses casos se
    eu não estava certo, também não estava tão errado assim. O importante é não se preocupar com os
    erros, praticar e aperfeiçoar o que já aprendeu. Do you agree?

    • Ana Luiza says:

      Oi Raymundo – há casos em que though e although são ‘interchangeable’, e há casos que não. Vc teria que me dar a sentença exata pra eu saber.. No caso de either, as duas pronúncias são usadas.

  • Xavier says:

    He parese ser dificil
    ok vou tentar_____.
    i’m shake like a leaf when get time to talk and listen in english

  • Diogo Martins says:

    I always shake like a leaf when I need to talk in English! hahah

    • Ana Luiza says:

      Well, then you’re doing better than most of us, who shake like a leaf when we have to speak in Portuguese in front of an audience!

      • Diogo Martins says:

        Yeah i got your point Ana ! But I was talking about every English talks…it’s always a mess…because I definitely shake like a leaf. Even when I’m just trying to practice.

        • Ana Luiza says:

          Oi Diogo – essa vai em português mesmo: como o fator emocional influencia, não? :) Continue ouvindo muito inglês ( e lendo, se for a tua), pois isso cuida da base e atenua o nervoso (já que você vai pelo menos ter o input adquirido).

          E pra perder a vergonha, não tem outra… É falar com gente de verdade mesmo e uma hora cai a ficha de que eles estão MUITO menos preocupados do que a gente pensa com o que falamos errado.

          Comentei outro dia com outra pessoa que quando vou pros EUA, levo 2-3 dias pra destravar, e a hora que destravo ninguém me segura mais!!! Pareço a Emilia quando tomou a pílula falante do doutor Caramujo (Monteiro Lobato reference… quem leu Reinações de Narizinho??)

          • Marcelo says:

            Oi Ana!
            Excelente o que você disse para o Diogo! Nós ainda ficamos muito preocupados com o que eles vão achar ou etc.
            Ainda esses dias eu estava conversando com um colega (nativo da California) e ele disse que eles (americanos) não se preocupam muito com a nossa forma de falar, importante é “get the message” ou seja, entender o que está sendo dito e se fazer entendido, outra coisa que ele comentou também, é o fato de muitos deles admirarem outros aprenderem o idioma deles.
            Então é isso, é botar pra quebrar e sair falando como a Ana-Emilia hehe.

          • Ana Luiza says:

            Exatamente. Eles só estão preocupados em ‘get the message’. You can take my word for it!

          • Sérgio says:

            Oi, Ana, “conheço” você há quase um ano mas só agora ganhei coragem de escrever algo pois I was shaking like a leaf to do that. Sou de Angola estou passando uma temporada na África do Sul e aprendendo Inglês…depois dos 40 a coisa fica mais complicada, e você tem sido uma boa amiga e muito inspiradora em especial naqueles momentos difíceis em que você fica a achar que “burro velho não aprende línguas”…! Parabéns, muitos parabéns pelo seu trabalho!

  • >