5 passos para melhorar sua habilidade de falar inglês sem sair de casa – Inglês Online

5 passos para melhorar sua habilidade de falar inglês sem sair de casa

By Ana Luiza | Aprenda a Aprender

Jul 22
5 passos para melhorar sua habilidade de falar inglês sem sair de casa

Como está sua habilidade de falar inglês?Há algum tempo, eu tinha uma aluna que fazia aula umas duas vezes por semana. Ela era uma executiva que trabalhava muito, tinha filho pequeno, e ainda achava tempo para fazer a lição de inglês toda semana além das três horas de aula. Às vezes a lição era ler um texto, às vezes ouvir um áudio, ou simplesmente fazer exercícios de revisão. Mas na hora de falar sobre a lição durante a aula ela geralmente “engasgava”. Sabe como é? Apesar de você estar usando coisa que já viu na aula várias vezes, não lembra de uma palavra aqui, outra ali, confunde o tempo verbal, hesita, pára uns segundos antes de se decidir sobre a pronúncia, tudo isso antes de completar cinco sentenças.

Nós resolvemos fazer uma experiência. Eu selecionei um arquivo de áudio compatível com o nível de inglês dela, que ela deveria ouvir todo dia, repetidamente, por pelo menos 20 minutos (o áudio durava uns quatro minutos). Eu disse a ela para ouvir algumas vezes primeiro, e só depois ler a transcrição para esclarecer eventuais dúvidas, e então continuar ouvindo normalmente.

Ela cumpriu o combinado – colocou o áudio no CD player do carro e todo dia, voltando do trabalho, ia ouvindo. Quando nos reunimos uma semana depois, foi incrível ver como ela conseguiu falar sobre a estória contada no áudio, usando estruturas e vocabulário corretamente com uma desenvoltura para falar que nunca tinha tido antes.

Depois dela, houve outros alunos que fizeram a mesma coisa com resultados semelhantes – não é nenhum segredo: prática focada, repetitiva e constante de listening dá ao seu cérebro o input que ele precisa para aos poucos absorver uma nova língua. E nada mais normal que, de repente, você se pegue falando coisas que nem sabia que sabia, com uma habilidade que nem sabia que tinha. Ken Beare fala disso nesta entrevista; e Stephen Krashen, um dos maiores linguistas da atualidade, defende o uso de narrow input – em outras palavras, a prática repetitiva com áudio/texto de interesse e no nível de entendimento do aluno.

Imersão acontece naturalmente para quem mora num país de língua inglesa, mas para quem está aqui – Brasil, Portugal, etc… – the next best thing (“a próxima melhor alternativa”) pode ser criar sua própria rotina de imersão. Enquanto que praticar com brasileiros ou estudantes mundo afora é uma coisa muito boa – principalmente por ser mais fácil se soltar e falar sem medo com quem também está aprendendo – para que você consiga progredir na direção do inglês nativo você precisa ouvir… é isso aí, o inglês nativo.

Se você está pronto para dar uma alavancada na sua habilidade de falar inglês, dê uma olhada nas sugestões abaixo: elas são uma descrição passo a passo do que eu tenho visto funcionar para muita gente.

 

1. Avalie sua habilidade de fala na hora de escolher seu áudio de inglês

Entender regras de gramática inglesa e conseguir resolver exercícios é diferente, e geralmente mais fácil, do que conseguir falar naturalmente esse mesmo conteúdo. Se você já está estudando o condicional mas ainda se enrosca na hora de falar presente e passado simples, comece seu treinamento de listening e fala por aí – procure áudio que gira em torno de presente e passado. Visite esta página para ver várias sugestões de sites que oferecem esse tipo de material, ou use o CD ou cassete do seu livro de inglês.

2. Ouça o mesmo áudio várias vezes por 15-20 minutos, todo dia, por uma semana

Frequência e foco vão fazer maravilhas pelas suas habilidades: é muito mais eficiente ouvir um pouco várias vezes por semana do que ouvir uma tonelada de áudio uma vez por ano. Focar no mesmo áudio por um tempo também é diferente de ver filme e ouvir rádio em inglês de maneira aleatória – especialmente se você não entende metade do que está ouvindo. Enquanto que qualquer exposição à lingua inglesa com certeza é benéfica, você vai acelerar compreensão e fala muito mais se a prática for focada, e é claro que isso não significa deixar de ver filmes e ouvir programas de rádio.

3. Só leia a transcrição do áudio depois de ter ouvido algumas vezes

Não leia a transcrição nas primeiras duas ou três vezes, apenas ouça – isso é ótimo para você se acostumar a ser “pego de surpresa”. Se você escolheu um material de áudio apropriado, nas primeiras vezes já vai entender uma boa parte do que é dito (e mesmo assim, lembre-se que conseguir entender não é o mesmo que conseguir falar). Depois de algumas vezes, leia a transcrição para tirar dúvidas, e continue ouvindo.

4. Depois de uma semana, é a sua vez: repita o que ouviu

Repetir funciona. Depois que tiver ouvido bastante o áudio, dê uma pausa após uma sentença e repita, para ver como você se sai. Se você puder gravar para comparar com o original, melhor ainda. Se uma sentença estiver fácil, aumente para duas; se não, volte e pratique novamente até passar pelo áudio todo!

E uma dica simples, mas boa: se tiver dificuldade com uma palavra, expressão ou sentença em particular, o segredo é “quebrar em pedaços” e diminuir a velocidade na hora de falar. Por exemplo, vamos dizer que você tenha dificuldade em falar You’re welcome. Primeiro identifique a pronúncia correta no áudio e, se precisar, escreva a pronúncia em português:

You’re welcome: iúr uél cam (a sílaba tônica está sublinhada)

Qualquer pessoa consegue falar iúr. E depois falar uél, e depois falar cam. Repita as três devagar algumas vezes – depois faça isso sem ler.

iúr………. uél……………. cam……………

Vá aumentando a velocidade aos poucos. Não demora muito e você consegue falar em velocidade natural – é tiro e queda. Para finalizar, olhe para a expressão You’re welcome e pronuncie.

5. Faça a conexão entre som e grafia: leia e escreva

Estamos acostumados com o português, em que o “ã” sempre soa como “ã”, “vai” é sempre dito “vai” e o “h” nunca é pronunciado. Quando começamos a aprender inglês, vemos coisas que parecem estranhas: as palavras ate e eight têm a mesma pronúncia; o verbo read no tempo presente é pronunciado rid, e no passado se diz réd; não se pronuncia o “h” em honest mas em horror ele tem um som de “r”; e por aí vai…

Veja duas sugestões de uso da transcrição juntamente com o áudio, para ajudar sua mente a identificar e se acostumar com a relação entre os sons e a escrita do inglês.

  • Leia os parágrafos do texto em voz alta e se puder, grave o que falou. Depois, ouça o áudio original e compare.
  • Ouça frase por frase, e veja se consegue escrever cada uma corretamente.

Aqui vai o equipamento básico necessário: Acesso à Internet, CD player ou toca-fita, e gravador. Um gravadorzinho é útil para gravar sua própria voz e comparar com o que ouviu. Se você não tiver um gravadorzinho portátil, pode usar o do computador. Para quem tiver Windows, acesse Acessórios > Entretenimento > Gravador de som.

E você, o que sugere? Já usou alguma técnica especial que ajudou?

Para uma série mais completa sobre como usar listening para ter progresso real na fluência, leia a série Como falar inglês: as dicas essenciais

  • juliane says:

    adorei as dicas, agora só praticar

  • Renato Silva dos Santos says:

    Nossa que dicas excelentes. Eu não sei nada de inglês, vou começar aprender hoje, apesar de quase 30 anos de idade.

  • Genilson Candido says:

    Bom dia, boas dicas , farei todas elas e acredito que vai dar certo. Tenho um dicionario de ingles, livros de escola normal, olha só, ganhei um cd player que fala alfabetos em ingles td em ingles e achei que nao servia, porque ainda nao sei falar ingles, mas depois de suas dicas, ele serve muito, vou praticar todos os dias atraves dessas dicas. Obrigado, thank you very much.

  • Como faço para aprender a língua inglesa rapidamente?

  • […] 1. 5 passos para melhorar sua habilidade de falar inglês sem sair de casa […]

  • ivan says:

    pessoal acho o seguinte, sempre tive facilidade com ingles, contudo somente na hora de escrever e traduzir, é claro, preciso ler mais para conhecer mais palavras, contudo a forma de aprender a escrever é bem diferente de aprender a falar, no meu caso, se escrevo bem, falo muito pouco, isso porque requer pratica, isto é, procurar ouvir mais textos em ingles e procurar repeti-los, isso irá melhorar tanto a pronuncia, quanto o aprendizado em falar, sem mais tropeços na lingua, em suma, forma de se aprender a escrever, é bem diferente da forma de falar. um abraço.

    hi people, I think which I always haved facility with english, but only in time of to write and translate, of course, I need to read more to meet more words and the form of to learn write is totally different of learn to speak, in my case, if I write weel, I speak very little, because I need to practice more, search listen more texts in english and search repeat them, in order to the pronounced and learning in to speak, without more difficulties in the language, the form of to learn is different of the form to learn to speak, a hug

  • English is very important In my life, bu i have to mush promblem to talk and write. I need helpe! Tanks.

  • Alexandro Santana says:

    Muito boa as dicas..

    Parabéns!!

  • SONIA AVELAR says:

    Moça,

    Bom material. As dicas são simplesmente maravilhosas. Vou colocá-las em prática.
    Quando estou em sala de aula, me sinto uma pessoa incapaz de aprender, “burra”. Fico culpando a minha idade (57).
    Mas por que será que aprendo outras coisas e o inglês não? Sabemos que pessoas são diferentes, a questão é enfrentar as dificuldades e perder a vergonha de falar errado na presença daqueles que conseguem aprender com facilidades.
    Mas espero conseguir agora.

    Thank you!!

    • Ana Luiza says:

      Pois é, Sonia. Eu responsabilizaria nossa falta de saber o que fazer para aprender melhor, e não sua idade. Por favor leia a série Como Falar inglês (link na barra lateral). Se vc gostou desse artigo, acho q vai adorar aquelas dicas :)

  • Daniely Reis says:

    Hi, how r u?
    Bom… eu simplesmente amei as suas dicas. Faço inglês há algum tempo e tenho muita facilidade na escrita, entretanto, na hora de falar… esqueço as palavras e como encaixá-las na frase corretamente.
    Estou disposta a colocar as dicas em prática, e não vejo a hora de ver os resultados. :D
    Aconselho a todos à NÃO DESISTIR, pois sei que depois de um tempo se torna cansativo.
    So, Thanks for all. See ya.:)

  • Daniel Viotto says:

    Muito boa as dicas, vou usá-las. Eu tenho o canal CNN Inglês e fico assistindo, eu entendo algumas palavras etc.. mas às vezes me perco!

  • Leandro says:

    Hy Ana! Do you fine? Escrevi Certo? Seguinte, minha dúvida é se musicas internacionais são um bom meio de preticar o listening

  • Lobo Filho says:

    Parabens amigo, são pessoas assim que o mundo precisa e não mais enroladores, pois a maioria que vende cursos de inglês prometem métodos infalíveis que na verdade dão a falsa ilusão que a pessoa vai aprender inglês em 6 meses, quando sabemos que a verdade não é essa. Eu aprendi em 1 ano morando na Inglaterra, agora imagina o individuo no Brasil sem contato com nativos. Enfim excelentes dicas para quem quer aprender!

  • […] tentando decorá-las (a não ser que seu objetivo seja passar num teste escrito) mas sim crie uma rotina de prática de listening, que é a melhor maneira de absorver a […]

  • Ana Luiza says:

    Everyone: obrigada pelos comments.

    @ Alexandre: valeu! Aproveite mesmo e bote em prática.

  • Alexandre says:

    Tenho lido as postagens que são feitas aqui no Inglês Online; simplesmente digo que as leituras que tenho feito aqui têm me ajudado demais!!! Muito bom mesmo! Recomendo a todos!
    Parabéns para todos que se esforçam e fazem esse grande trabalho.
    To começando a ficar viciado nesse site!!!

  • cibele dantas says:

    olha eu tenho uma dúvida temos que estudar gramatica com a mesma frequencia ?

  • cibele dantas says:

    achei uma maravilha!
    ah e um bom passo é pegar musicas que nos identificamos e que gostamos pra que tenhamos mais vontade de aprender.

  • eu mi amo muito e minha familia…s2s2s2s2

  • Maria Milza says:

    Simplesmente FANTASTIC! Many thanks!
    Best wishes

  • iandra says:

    outro pedro tem quantos anos?

  • Fabio says:

    cara boa essa dica mais recomendo q coloque sua tv ou seu computador tudo ingles ai eu fiz o da tv e fiquei 1 ano vendo eles falando vc ve e vai intendendo oq eles falam ai seu ingles vai subir muito de nivel vc vai estar falando completamente engles ta ai a dica q eu aprendi ingles

  • yuri says:

    esse site é muiiiitooo bom
    Congratulations, And thank you!!!!

  • Thiago says:

    good tips!!!

  • antonio lucio says:

    obrigado pelas dicas…estão sendo de ótima ajuda…

  • sarah says:

    eu vou aprender bastante com essas dicas obrigado eu sair fala engles por todos os lados!

  • Rinaldo says:

    Estou muito feliz por encontrar um site tão proveitoso. Estou estudando Ingles e estou no upper intermedate. E neste site resolvo minhas duvidas enquanto não estou na sala de aula…..  Obrigado vcs. são dez.

  • Flávio says:

    Legal…vou fazer um curço de inglês e usar estas dicas.

  • Ana Luiza says:

    Seco
    Legal. Mas o e-curso “Como Falar” contem informação mais atualizada. Logo eu atualizo esse artigo.

  • Seco Baldé Vieira says:

    Olha, gostei tanto desta lição. Pelo que, espero receber da vossa parte alguns materiais didacticos via net.

  • yone poleto dos santos says:

    Adorei as dicas dadas pelo site!!!!Com certeza conseguirei atingir meus objetivos junto aos meus alunos.Thanks a lot.

  • DAYANE MATOS says:

    Boa tarde! Parabenizo o autor dessa matéria, pois ela é maravilhosa. Estou no cursinho de inglês a 4 meses e já estou para concluir um livro, sou aluna do CCAA e aprovo tudo o que o professor do CCAA escreveu, pois a metodologia lá é assim mesmo. Colocarei em prática todos esses passos hj mesmo, quero falar inglês fluentemente.

  • carlos sousa says:

    gostaria muito de falar ingles como começar alguem pode me ajudar obrigado!

  • Rosa elaine de oliveira souza says:

    Meu sonho é aprender e falar ingles entrei no site e achei interessante ,só que não sei por onde comerçar.E não posso pagar um curso.

  • elenice de paula says:

    I don’t believe it. Eu estou encantada pois amo ingles, ja estou dando aulas em dois colegios e as vezes ficava apavorada com a ideia de pifar na hora da pronuncia, como sou muito responsavel e amo o que faço agora estou mais segura com a pronuncia mas quero melhorar muito mais, mandem mais e mais informações, isto ajuda e muito. Thank you very much. Congratulations. byby

  • Cristiano says:

    Certa vez lí uma entrevista com um dos maiores neorocintista da atualidade. Nun dos pontos ele enfatiza que para se aprender um idioma é muito importante conhecer um pouco de neurocência. Gostaria de de algum professor como o conhcimento da neurociência pode ajudar no aprendizado deum idioma ?

  • Aline Menezes says:

    Oi! Estou muito satisfeita por ter encontrado neste site dicas tão úteis para quem gosta e quer aprender Inglês.
    Amei!!!!
    Vou pôr essas dicas em prática com certeza. E espero logo estar contando os meus avanços.

  • Luciano Brito says:

    Estou muito satisfeito com tudo o que estou encontrando aqui neste site. É uma imensidão de informação para quem realmente gosta de inglês e quer falar mesmo.
    No meu caso em especial, eu quero ser professor e estou terminando o segundo ano em junho, em agosto estou começando faculdade de Letras ( inglês/Português).
    Muito obrigado por tudo, obrigado mesmo.

  • Ely Teles says:

    I was more interested layman had thought impossible, but then rose the desire of these tips, just as soon send comments on Inglês.even more

  • Lucy says:

    Nossa parabéns pelo criador do site, é fantástico. Muito obrigada por nos ajudar a melhorar nosso ingles. E o site mais completo que conheço. abraços a todos

  • Ana Faria says:

    Adorei o site .
    APENAS QUE MELHORAR A MINHA PRONUNCIA, NAO E KE SEJA MA MAS QUANDO E UMA PALAVRA NOVA E MUITO DIFICIL

  • Sirley says:

    Thank you very much!!!
    Gostei muito das dicas. Ensino inglês
    para crianças e tenho certeza que o caminho é esse.

  • vitoria says:

    me ajudem mais eu nao consequi apreder so um pouco

  • Rosangela Soares says:

    Gostei muito nas dicas e acredito que seja bem por aí mesmo….Já venho fazendo isso por intuiçao minha, tomara que funcione, pois começei agora.

  • Helena Barreto says:

    Estou começando agora no CCAA, e estou tendo muitas dificuldades na hora de falar, tipo, eu escuto, repito na minha cabeça, mas na hora que a prof. pede pra eu falar, n sai.
    Estou treinando muito em casa com as dicas desse site. Pq alem de eu estar c essa dificuldade, são só duas aulas semanais. Valeu pelo site.

  • Helena Barreto says:

    Muito bom esse site, ajuda muito…

  • Mário Bittencourt says:

    Há mais de dois anos eu venho tentando aprender Inglês, e apesar do pouco tempo eu tenho me dedicado bastante, mas naõ consigo atingir meus objetivos que são: entender e falar na Língua Inglesa.
    Achei útil as dicas e vou segui-las, voltarei para falar do minha experiência. See you later.

  • Vivi Fernandes says:

    Hi, everybody!!!!!
    Faço Inglês há 2 anos, estava pensando em desistir, mas depois dessas dicas vou estudar bastante… e não vou desistir.
    P.S.: Adorei as dicas do Prof. do CCAA. 
    THANKS grin

  • Anderson says:

    Hi, everybady!!!

    Eu estudo à um ano, e venho percebendo que a minha leitura vem desenvolvendo muito, e a parte auditiva também, mas na hora de desenvolver um dialogo com o professor não sai quase nada. O que posso fazer para adquirir um vocabulário mais amplo??vc indicaria estudar em uma escola de segunda à sexta 1/hora dia, isso me ajudaria?suas dicas são ótimas….

  • Jordana says:

    Gostei muito dessa dica!

  • Ana Luiza says:

    Emerson,
    O que eu sugiro se você está começando agora é isso mesmo – ouvir bastante, mas coisa iniciante de preferência.

    Dar uma olhada em lições de gramática iniciantes pode ajudar no começo, mas só para ter referência. Se vc puder, compre um livro de inglês iniciante e vá ouvindo os diálogos, e use a Internet para tirar dúvidas.

  • Vanessa says:

    Hello peoples!

    Eu estou iniciando a faculdade em inglês e descobri que as aulas são misnistradas em inglês… Estou apavorada pois não tenho nem nível básico de inglês… estou adorando o site… essas dicas estão sendo riquíssimas pra mim… aceito sugestões e ajuda no meu e-mail….

  • Ana Luiza says:

    Oi Solange, que bom que tenha gostado!
    Minha dica é que você olhe aqui mesmo, em Guia de Sites na barra lateral. Lá, clique em Intermediário: áudio para encontrar várias sugestões de sites.
    Abraço

  • Solange says:

    Hi,
    Eu possuo um bom vocabulário e entendo com facilidade quando “ao vivo” porque presto muita atenção no movimento da boca, mas em músicas e em filmes, tenho muita dificuldade. Gostaria de dicas de onde encontrar listening intermediário.
    Conheci o site hoje e fiquei encantada com o carinho com o qual você retorna…
    Obrigada.
    Solange.

  • sueli feitosa says:

    Adorei as dicas e logo as colocarei em prática para ver o resultado.
    Abraços!!!

  • Helga Rackel says:

    Puxa vida! Agora tenho esperança de que posso “destravar”. Exercitarei de acordo com essas dicas e depois volto aqui falar sobre o resultado.
    Muito obrigada!
    Parabéns pelo site!!!

  • Quintino Lopes Tavares says:

    isso é realmente muito importante para nós, aprender uma falar e escrever uma língua universal.
    Eu ainda não comecei mas estou tentando.
    Amei essa dicas. muito obrigado…..

  • jessy says:

    Vou começar a estudar por conta propria, pq acho quue cursos pagos ~são muito caros, agora vou me empenhar para aprender uma lingua no qual eu amo!! Ainda tenho dificuldades, vou precisar de ajuda, acho q seria legal ter no site um chat para tirarmos todas as duvidas e podermos treinar também.
    ou ate mesmo por MSN seria intessante.
    vlew

  • oi says:

    Bem, eu e minha esposa estamos começando um curso de inglês e posso garantir que a sua dica foi de grande valia para nos estimular nos estudos.

    Parabens!!!
    Obrigado!!!!!!!!!

  • Jaime Magalhães says:

    No início de seu texto você diz “Há muito tempo atrás”.
    O correto seria “Há muito tempo” ou “Muito tempo atrás”, Há já indica tempo passado.
    Aproveito para parabenizar pelo excelente site.
    Abraços.
    Jaime Magalhães

  • Taty says:

    Isso é realmente muito útil. O meu inglês tem melhorado cada vez mais a medida em que a frequência com que venho assistindo e ouvindo programas em inglês aumenta. Depois que comecei a assistir séries americanas, percebo que algumas palavras surgiram naturalmente no meu vocabulário e meu entendimento de algumas frases tb tem melhorado, e de uma maneira bem divertida!

  • Vera says:

    Olá!!
    Adorei as dicas, vou práticá-las. Já tenho um bom nivel em leitura, mas quando chega na hora de conversar, ai,ai, ai, trava tudo, rsrs. Espero que essas dicas me ajude.
    Agradecida.

  • Marzia says:

    Hi folks…Passei so pra dizer q tdas essas tips desse site sao muito validas..Uso muito o listening,e isso me ajudou e me esta ajudando cda dia…S posso dar uma dica,para os iniciantes,quando conversar com uma pessoa nativa,look at your mouth…Conselho do meu manager quando cheguei aqui em Dublin…Ajuda bastante!!Falar ,errar,perguntar,e falar d novo…Cda dia to amando aprender e descobrir a lingua inglesa.Study hard and dont give up!!!

  • Antonio gonçalves says:

    Sem dúvida,essa é a confirmação que eu precisava ouvir.Estou estudando ingles a poucos meses, e o professor sempre diz “ouçam muito o conteúdo do DVD”,estou adorando aprender um novo idioma.Vamos com tudo pessoal,e alcançaremos mais este objetivo.Because life is wonderfull!

  • Alexandre says:

    Olá Ana Luiza!

    As dicas são de fato boas. Mas tão bom quanto às dicas são os comentários e opiniões expressas neste fórum. A repetição, em geral, é maçante. No entanto, como fora dito, as estruturas da língua se repetem, não (só) o vocabulário.
    Sou professor de Matemática e Física e o processo é parecido: mostramos um exemplo simples –> os alunos repetem através de exercícios –> exercícios mais difíceis que usam o que se aprendeu no fácil –> mais exercícios de fixação …

    Sugiro o seguinte site:
    http://www.eslpod.com/website/
    Nele, pode-se ouvir os podcast de graça e sem se cadastrar. Além disso, a velocidade das falas é bem baixa, ideal para quem está iniciando. O senão é que o texto só é disponibilizado para quem paga. Aconselho ouvir os podcast deste site e conciliar com outro em que podemos ouvir na velocidade natural.

    Ana Luiza, qual seu e-mail?

    Até loguíssimo.

  • Natália says:

    Olha essas dicas valem ouro. Estava procurando na internet realmente dicas para ampliar minha capacidade de falar inglês, vou no meio para os EUA e confesso que que não sei falar nada e estava super preocupada.
    Mas vou seguir essas dicas passo a passo.

    PARABÉNS

  • antonio carlos maia says:

    galera , estou super emocionado e motivado, eu ja usava esta tecnica de audio,(ouvir , repetir em voz alta , escrever), relmente funciona , mas eu não sabia que um dia eu iria encontrar varios colegas falando sobre tal assunto, é isto ai, jamais desistam e podem ter certeza que o objetivo sera alcançado , parabens pra todo pessoal´e ao mesmo tempo obrigado pela força que vcs estão dando.Deus abençoe a todos e um feliz ano novo.

  • angela says:

    otimo, gostei muito das dicas. Vou tentar seguir a risca para conseguir melhorar a pronuncia. Aliás, alguem tem uma dica de como posso conseguir um bom audio para eu começar?

  • Thaah says:

    Nossa, achei as dicas muito legais e bastante úteis.

    Obrigada

  • Emerson Guimarães says:

    Não quero começar errado, não falo INGLÊS, gostaria de aprender por conta própria, com devo começa? ESCUTANDO? Quero uma LUZ.
    Agradeço e fiquem na PAZ.

  • Shen says:

    Amei essas dicas! Obrigada! Vão servir de muita ajuda!!

  • Jonas says:

    muito boa essas dicas de ingles!!
    Só para destacar uma opinião minha é que existem milhares de maneiras de se aprender ingles mas o principal de tudo é ter VONTADE de aprender uma nova lingua. Se você não tiver interessado creio que não irá aprender uma nova lingua.
    Eu tenho 14 anos e meu sonho é aprender ingles de uma forma ou de outra. Mas eu tenho um problema que me atrapalha MUITO
    não só no ingles como no Portugues.

    Quando alguem fala comigo eu não entendo. É como se tivessem falando grego. Eu não consigo compreender o que ouço. Nem em um filme e muito menos no dia a dia. Tenho muito medo de nunca curar essa “doença”.

    Se alguem poder me dar uma dica por favor.

    Jonas, 14 anos – Boqueirão do Leão – Rio Grande do Sul

  • Emerson Guimarães says:

    Espero ter ajudado, mas quero muito ajuda de VCs, se for possível………………PLEASE.

  • Emerson Guimarães says:

    Não sei se estou colocando no local correto, mas aqui tem um outro site para quem quer melhorar a pronúncia correto.

    http://www.howjsay.com/index.php?word=zaire

  • Emerson Guimarães says:

    VOU COLOCAR O LINK direto para o local correto, vc vai ter que ser cadastra (é bem rapidinho) depois vai aparece duas opções, uma para CONTINUAR e a outra PARA UPGRADE, clique em CONTINUAR…………….e no decorrer, quando for passando de LESSON faça o mesmo, clique em CONTINUE.

    Acho que vai ajudar muita gente, mas só quem pode afirmar isso são VCs, mais uma vez……..fique na PAZ.

  • Emerson Guimarães says:

    Olá, acabei de encontrar no google esse site, me amarrei, não falo nada em inglês, para não dizer que não falo nada sei algumas palavras…………mas isso não é nada.
    Já estive testando repetir algumas palavras e já percebi que levo jeito, mas para que eu não fique pegando papel na ventania, gostaria de saber por onde começar? Acho que poderei ter essa resposta……………Brigadão e aguado um retorno, ok? Fique na PAZ.

    Op’s……………já ia me esquecendo………..numa dessas minhas procuras na internet descobri um site que vai ajudar muita gente aqui.
    É um site chamado MANGO LANGUAGES. Basta se cadastra e começar a treinar, com audio, muito bom mesmo.

    Aqui vai o site: http://www.mangolanguages.com

  • Rafaela Eça says:

    Vou coloca-lás em prática também. Vamos ver se vai funcionar !! Beijos

  • Ana Luiza says:

    Carla:

    Se você estiver usando um livro de inglês que acompanha CD, comece usando o CD mesmo – é legal porque está no seu nível.

    Se não, dê uma olhada na seção “Básico: Áudio” aqui no site, e veja as sugestões de sites que oferecem áudio de inglês básico. Vários deles permitem baixar o áudio – vc pode salvar no computador e até gravar em CD ou carregar em um player.

  • CARLA says:

    OI ANA LUIZA, GOSTARIA DE UMA DICA DE QUAL CD COMPRAR, PARA FAZER COMO A SUA ALUNA QUE OUVIU DURANTE 06 DIAS E NO FINAL DESSA SEMANA JA CONSEGUI PRONUNCIAR MELHOR AS PALAVRAS FORMANDO FRASES….SOU A CARLA E ESTOU COMEÇANDO A ESTUDAR INGLES E GOSTARIA DE DICAS.

  • Ana Luiza says:

    Oi Luisa,
    Você pode começar por aqui, por exemplo:
    http://www.eltpodcast.com/archive/bc

    e depois dar uma olhada na seção de áudio básico aqui do site para ver outras sugestões.

    Conte como foi!
    Ana Luiza

  • Luisa Fernandez says:

    Ana Luiza,
    adorei suas dicas…estou tento dificuldades para encontrar um listening adequado…alguns são cd´s de livros (muito extensos), outros são frases soltas (sem conexão)… vc poderia me enviar ou dizer o link exato de um listening básico…estou fazendo o basico 2 e tenho grande dificuldade em entender/falar em ingles…
    Beijos Luisa

  • paulo says:

    eu gostei muito desse site e otimo pra quem quiser aprender a falar ingles fluentemente.

  • Soraya says:

    Adorei as dicas! Conheci o site hj e virei fã! =)
    Estou no inglês há pouco mais de um ano e não me empenhei o bastante nesse tempo… Agora, corro atrás do prejuízo. Minha principal dificuldade é, realmente, a pronúnica. Às vezes tenho até vergonha de falar durante as aulas…

    Thanks!

  • Franklin says:

    Vo treina isso, parece boa a dica

  • Malu says:

    Nossa… depois de todas esses comentários interessantes, só não aprende Inglês quem não quer…Isso tudo que foi falado é o mesmo que fazemos para aprender o nosso idioma, quando ainda bebês. Primeiros sons, primeiras palavras, primeiras frases… repetimos o que ouvimos, criamos palavras e o que não sabemos, perguntamos… Formamos um banco de palavras através dos sons. E depois dessa etapa aprendemos a ler e escrever. Dois processos que podem ser simultâneos pois são diferentes na aprendizagem, mas para isso acontecer de uma forma sem sofrimentos, temos que saber os SONS.
    Thanks.
    Malu

  • Ana Luiza says:

    Professor Aparecido,

    Agradeço, e gostei muito de ler o relato sobre sua experiência como professor. E que experiência! Bom ver que seus alunos estão sendo muito encorajados a praticar listening.

    Quantas vêzes praticamos ações repetitivas durante a nossa existência ? Quantas vêzes somos obrigados a dar instruções ao colega de trabalho repetidamente até êle estar seguro de como agir. Sem falar de nossas crianças, que só através de repetições conseguem fazer o que queremos.

    I think you’ve nailed it!

    Abraço
    Ana Luiza

  • Ana Luiza says:

    Pessoal, agradeço por TODOS os comentários! Valeu, e vamos falar inglês!!

  • adriano says:

    hi….adorei essas dicas
    thanks

  • Aparecido Ferreira says:

    Sou professor do CCAA do ABC há 28 anos. Achei tremendo estas orientações, pois não são simplesmente sugestões; são indicadores para o sucesso.
    Aqui no CCAA, nós trabalhamos as 4 habilidades que são:
    1- ouvir
    2- falar
    3- ler
    4- escrever – Tem que ser nesta ordem.

    Estamos constantemente “buzinando” nos ouvidos de nossos alunos que a habilidade “listening” é a que geralmente requer maior dedicação, visto que há 9 sons de vogais diferentes – (se incluirmos o unstressed schwa) serão 10 sons diferentes. E que nosso aparelho auditivo foi educado a identificar apenas os 7 sons em português – (incluindo É  e Ó)

    Muitas pessoas acham que ser repetitivo se torna exaustivo, e ainda dizem que se formos à um país de língua inglesa, não vamos ouvir as pessoas repetirem uma frase várias vêzes. No mesmo momento é óbvio que não, porém, a mesma frase será, sim, repetida várias vêzes em dias e/ou situações diferentes. Só que por não estarmos num país onde a língua oficial não é a inglesa, o que temos que fazer para acelerar o processo ? – Quantas vêzes praticamos ações repetitivas durante a nossa existência ? Quantas vêzes somos obrigados a dar instruções ao colega de trabalho repetidamente até êle estar seguro de como agir. Sem falar de nossas crianças, que só através de repetições conseguem fazer o que queremos. Aproximadamente, hà 60 anos, antes de existirem todas estas abordagem metodológicas que conhecemos, houve uma necessidade muito grande de se aprender francês em curto prazo devido a guerra. Por não haver método algum disponível, o único recurso aplicado e que funcionou, foi o da repetição que hoje, também faz parte dos nossos passos de aula no CCAA, que chamamos de DRILLS.
    Parabéns !! Este é o caminho.

    Aparecido

  • Fábio says:

    Comecei agora e já estou gostando.
    Vou acompanhar as dicas a risca vamos ver no que dá.

    Ah! Obrigado pelas dicas…

  • Fher says:

    Bem, segui esse método meio sem querer pois eu tinha os audios e não tinha a transcrição, então eu ouvia e repetia, enfim, só consegui a transcrição um tempo depois e posso dizer que esse método realmente funciona pq acabei usando a transcrição somente como apoio às palavras que não conhecia. Muito boa dica.

  • Muito boas as dicas!
    Aconselho também repetir uma música que voce gosta muito e quando achar q já sabe um pouco procurar em um karaokê.Acho que dá uma certa segurança tbm

  • caroline says:

    adorei essas dicas de pronuncia por que me ajudou bastante na hora de conversar com outra pessoa.

  • Antonio says:

    dicas que normalmente não são seguidas e isso muita gente ja sabe que ajuda o dificil é praticar…

  • irene pineda says:

    Adorei essa dica e acho que realmente funciona, também acho maravilhoso pessoas como vocês, dispostas a nos ajudar e passar suas experiência pois acho o professor de inglês um solitário.

  • Ana Luiza says:

    Oi André,
    Pra falar a verdade eu entendo a sua frustração. Eu também já me senti perdida tentando aprender sobre determinados assuntos, com várias pessoas oferecendo vários métodos diferentes… Mas enfim – se você encontrar o que procura, conta aí.

  • Ana Luiza says:

    Oi Filipe
    Agradeço as dicas, e como eu disse acho que cada um tem uma preferência ou método que acha melhor: na minha experiência com alunos, isso tem funcionado bem com aquelas pessoas que são metódicas, etc. O que vejo é que muitas vezes a prática de listening é feita superficialmente e esporadicamente – o aluno pode completar um livro por semestre na escola de inglês mas a fala ainda fica “quebrada” – e é claro que depende do aluno. Se um aluno treinar com um áudio diferente por semana por 6 meses, nossa… acho que um aprendizado desses vai longe.

    É verdade, as pessoas nos EUA não ficam mesmo repetindo a mesma coisa nem 2 dias, quanto mais uma semana. A técnica que descrevi não tenta reproduzir um ambiente nos EUA (impossível) mas tem a ver com retenção de estruturas comuns de uma língua, até chegar naquele nível de resposta instintiva em que não é preciso pensar. Quando a mente “pega” um certo mecanismo, vai embora e começa a aplicá-lo no vocabulário novo que ela aprende no decorrer do tempo.

    E quanto a leitura… pessoalmente não recomendo como técnica de aprendizado de compreensão oral/fala/pronúncia, que é o tema desse artigo. Talvez você já tenha um bom conhecimento do idioma, mas quem não tem tende a “aportuguesar” as palavras que lê quando não tem uma referência boa da fonética do inglês. Já a idéia da música achei legal, muita gente adora estudar atráves de músicas.

  • Filipe says:

    bom, não sei se isso funciona muito não ..
    tudo bem, o treino leva a perfeição, porém acho que isso não funciona simplesmente pelo fato de que ela ouve a MESMA coisa por 1 semana .. quer dizer, se ela for para os EUA, as pessoas de lá não irão ficar repetindo a mesma coisa por 1 semana .. eu já fui pra lá, morei quase 4 anos, e acredite, não existe NADA melhor do que tentar traduzir músicas, e outras, tenta traduzir alguns livros, primeiro, leia o livro quantas vezes for necessário, até você ter CERTEZA sobre o assunto, e depois, abra o microsof word ou escreve num pedaço de papel tudo o que você conseguiu traduzir .. outra dica, caso nao conheça uma palavra, vai nao dicionario, procura o significado, e escreve em cima da palavra, assim, quando voce tiver que ler novamente essa palavra, acredite, quando voce ler a palavra pela 4 ou 5 vez, ela vai ficar gravada na sua mente ..
    espero ter ajudado ..

  • André Ricardo says:

    Bem eu acho que é interessante essas dicas, mas ruim ao mesmo tempo, pois nos leva a úsar bilhões de métodos diferentes(seria interessante se consequíssemos seguir uma só linha). Principalmente pra mim que estou começando, se eu for ler dicas e tento aplicá-las acabo me embananando todo…kkkkk valeu gente

  • Marcia Santos says:

    I’ve just found this marvelous site and its tips are it will be very important to me.

    • walter says:

      olha meus amigos gosteu muito deste site porque eu sou amante da língua inglesa desde criança então resolvi me cadastrar neste site .

  • Silvana Pires says:

    HI! ESTOU ADORANDO AS DICAS,TEM SIDO MUITO UTEIS PRA MIM,TENHO APRENDIDO MUITO.KEEP IN TOUCH!

  • Cristina says:

    Olá,
    Adorei as dicas, vou colocalas em prática.

  • Ana Luiza says:

    Oi pessoal – vamos falar inglês!

    Camila, aguardamos seu relato.

    • Genilson Candido says:

      Bom dia, boas dicas , farei todas elas e acredito que vai dar certo. Tenho um dicionario de ingles, livros de escola normal, olha só, ganhei um cd player que fala alfabetos em ingles td em ingles e achei que nao servia, porque ainda nao sei falar ingles, mas depois de suas dicas, ele serve muito, vou praticar todos os dias atraves dessas dicas. Obrigado, thank you very much.

  • CAMILA says:

    ACREDITO QUE ESSA SEJA UMA BOA FORMA DE APRIMORAMENTO DA PRONÚNCIA E COMPREENSÃO DA LÍNGUA INGLESA. SEGUIREI AS ORIENTAÇÕES E EM BREVE RETORNAREI PARA RELATAR OS RESULTADO OBTIDO.

    BOA SORTE PARA TODOS!!!

  • Nerci says:

    Obrigada pelas dicas.Continue ajudando-me enviando dicas. Vou valer me das dicas aqui colocadas.
    Nerci

  • Rafael Dx7 says:

    eu fiz algo parecido, mas sem a mesma disciplina.

    pegava vários podcasts em inglês e ficava ouvindo, mesmo sem entender nada, mas prestando atenção. depois de algumas semanas comecei a identificar bem melhor as palavras na fala, mesmo as com significado desconhecido.

    vou voltar a fazer isso!

  • Outro Pedro says:

    Muito boa essas dicas!!
    Obrigado!

  • Pedro says:

    Olá!! Muito boa essas matérias e essas dicas!!
    Obrigado!!Parabéns!!

  • >