Dicas para melhorar seu Listening (e melhorar o inglês) – Inglês Online

Dicas para melhorar seu Listening (e melhorar o inglês)

By Marcelo - Equipe Inglês Online | Lições de Inglês

Jul 01
Dicas para melhorar seu Listening (e melhorar o inglês)

Hi, everybody! What’s up?

Aqui é o Marcelo novamente, hoje com um tópico diferente do habitual. Não vou compartilhar nenhuma expressão como de costume, mas vou dar dicas de como você pode fazer um listening mais efetivo. Sim, é verdade, tudo gira em torno do “listening”!

Pronto para alavancar o seu listening? Então vamos lá!

Primeiro, é importante analisar alguns erros comuns:

Primeiro: Querer ouvir acima da sua compreensão/level.
Muitos estudantes querem acelerar o processo de compreensão e optam por escutar podcasts ou assistir vídeos onde o diálogo é muito rápido. O que ocorre muitas vezes é um desestímulo natural, ao invés de estímulo, por não compreender o que está sendo dito. Como resultado… Frustração. Se você não entende bem o áudio, praticamente não existe aquisição do idioma.

Segundo: Distrações
Isso acontece com todo mundo, não é mesmo? Comigo já aconteceu várias vezes!
O que acontece aqui é bem simples. Nós estamos fisicamente presentes, mas o pensamento está em outro lugar, viajando, divagando. Exemplo típico: Uma pessoa chega até a outra e começa a falar sobre um determinado assunto e o ouvinte, de forma instintiva, começa a mover a cabeça para cima e para baixo, sendo que, na verdade, ele não está prestando atenção. Pode ser que algo ao redor “tenha roubado” sua atenção e ele se distraiu, ou está pensando em alguma outra coisa naquele momento. Não há dúvidas de que podemos nos distrair facilmente.

Terceiro: Antipatia ou Rejeição
Isso ocorre porque você pode ter alguma antipatia pela pessoa que está falando no áudio. Também pode acontecer de você não estar mesmo é interessado no que a pessoa está falando; simplesmente não é um assunto do seu interesse. Daí vem a rejeição, palavras entram e saem sem sentido algum para você. Muitas vezes nós escutamos o que queremos escutar e não o que devemos escutar, portanto devemos escutar com empatia!

Most people do not listen with the intent to understand; they listen with the intent to reply.” – Stephen R. Covey

Os últimos dois em particular, Distrações e Antipatia ou Rejeição, também ocorrem em nosso ambiente de estudo quando a questão é listening. O ambiente é diferente, mas os problemas são os mesmos!

Como corrigir esses problemas?

Abaixo eu listo passos importantes para corrigir esses problemas, assim como outras dicas para um listening mais efetivo. Vamos lá!

  • Procure um lugar calmo e livre de qualquer barulho para ouvir os seus podcasts ou vídeos. O silêncio é primordial.
  • Se você estiver aborrecido ou preocupado com algo, acalme-se primeiro. Caso contrário a sua mente vai focar nos aborrecimentos e preocupações e como resultado você vai acabar fazendo uma excursão mental em vez de manter o foco no seu listening.
  • Ao ouvir no computador ou laptop, procure desconectar da internet. Isso evita que você se sinta tentado a ficar olhando os status de redes sociais.
  • Televisão nem pensar: Desligue.
  • Celular nem pensar: Desligue (A não ser que você precise mantê-lo ligado por ser médico, advogado, etc.)
  • Se houver mais pessoas em sua residência, informe-os que você vai estudar e que gostaria de não ser interrompido durante o tempo que você programou para a prática do listening.
  • Se você não possui interesse em algum tópico específico, ou se o tópico é chato ou muito difícil, pare! Procure outra atividade/tópico que seja interessante, prazerosa para você.
  • Procure sentar confortavelmente e de forma correta. Através da linguagem corporal, como gestos e postura, o seu cérebro vai entender que você precisa manter a atenção e o foco.
  • Tente não escutar por várias horas seguidas em um dia e para daí então não escutar nada no outro dia.
  • Procure não escutar Podcasts ou vídeos muito acima do seu nível de compreensão, caso contrário você pode ficar entediado e frustrado por não conseguir entender o que está sendo dito. Para melhorar o seu listening você precisa ouvir algo que consiga entender de 80% para cima.
  • Procure captar a ideia principal do que está sendo dito. Mantenha o foco no tema principal da conversa.

In accordance with the input hypothesis, speaking ability emerges on its own after enough competence has been developed by listening and understanding” – Stephen Krashen

Agora que você já possui uma ideia geral de como corrigir os problemas acima, vamos para o próximo passo que vai efetivamente ajudar a melhorar o seu listening.
Você já ouviu falar sobre “Narrow listening“? Veja então o vídeo abaixo onde eu explico sobre “Narrow listening” além de mostrar a técnica que eu utilizo para manter o listening afiado. Enjoy!

 

Não deixe de ler a série sobre listening do Inglês Online: Como Falar Inglês

 

Marcelo Mendes compartilha dicas de Inglês no Twitter English for Pleasure.

Marcelo - Equipe Inglês Online
  • Thaís says:

    Olá, Marcelo!!! Tudo bem?
    Super dica para quem já tem o inglês intermediário ou avançado e ama séries de Tv. No YouTube (então já sabe que é na faixa!) há um programa chamado ‘afterbuzz’… Bom, sabe quando você assiste à sua série de TV preferida e quer comentar com todo mundo, saber o que outras pessoas pensam, mas… ela não é a série preferia de ninguém, a não ser você mesmo? Problem solved! Existem episódios de inúmeras séries com uma galera americana (falam inglês normal e não ‘bookEnglish) fazendo os mais diversos comentários sobre determinado episódio, o que esperar para o próximo etc. Você mega have a good time e ainda treina seu amado inglês…

    Um abraço,
    Thaís

    • Marcelo says:

      Olá Thaís, tudo bem e com você?

      Super legal a sua dica do ‘afterbuzz’, eu mesmo não conhecia, parece ser bem interessante, vou dar uma analisada nos vídeos!
      Obrigado pelo comentário.
      Abraço e até breve!

  • André says:

    It was nice! I believe that it’s going to work with me.

    This semester I’m decided to make all efforts to improve my English.

    We can! :)

    • Marcelo says:

      Hello, André!
      I’m pretty sure you’re going to be successful in doing this!
      Good luck in your studies!
      Marcelo

  • Raymundo de Jesus says:

    Oi, Marcelo!

    Como já demonstrei, minhas dificuldades são enormes.
    A idade ( 75 ) atrapalha também. Estou fazendo um curso
    de inglês e, não há como evitar o acúmulo de dúvidas. Por-
    isso, sempre que possível faço uma revisão, como agora,
    que estou de férias. Não vou poder seguir as suas dicas passo-
    a passo como gostaria, mas também não vou dispensá-las.
    Elas são bem vindas e utilizadas nos momentos adequados.
    Raymundo.

    • Marcelo says:

      Olá Raymundo,

      Aprender um novo idioma é desafiador e, dificuldades sempre vão existir, mas eles devem ser encarados como desafios a serem superados, barreiras a serem vencidas, tenho certeza que a cada etapa ou algo novo que aprender será um motivo de alegria e conquista! Vamos levar em conta que a sua idade não vai atrapalhar não, ela vai servir como experiência ou trampolim para uma nova etapa e aprendizado! Eu admiro a sua espontaneidade e força de vontade em aprender o idioma, Raymundo, continue em frente e não desista! Parabéns e sucessos

      Marcelo

  • Débora says:

    Helpful tips, Marcelo! Thanks. :)

  • Graciela says:

    those tips are amazing!!!!!

  • Hi Marcelo,

    Eu tenho seguido boa parte das dicas que você apresentou nesse artigo. O que você fala no vídeo sobre a repetição é verdade. Hoje com a correria do dia a dia as pessoas tendem a querer sempre avançar cada vez mais rápido, porém não é assim que o nosso cérebro funciona. Com esse espaçamento (1-24, 24-7 etc) você usa o conceito de repetição inteligente.

    Concordo com a dica de estudar num lugar calmo e silencioso, porém isso é cada vez mais raro. Principalmente para quem tem filhos pequenos (lol). Para contornar esse problema eu estudo em blocos curtos de 2 ou 3 minutos de áudio com transcrição via celular ou até no PC. Com isso eu removo barreiras e torno o estudo mais efetivo. Não dá nem tempo de distrair.

    Excelente artigo. Parabéns!

    • Ana Luiza says:

      Adorei saber, Alessandro. Vc vai ter q me contar mais sobre isso (vc sabe quando!)

    • Marcelo says:

      Olá Alessandro,
      Legal que você curtiu o tópico e recebendo um elogio seu realmente é uma honra.

      Eu também tenho filhos, duas meninas, uma de 6 a outra 10. Quando elas estão em casa eu praticamente não consigo fazer listening e quando invento de praticar com elas em casa eu tenho que sair do escritório e ir para o meu quarto e fechar a porta, se não sem chance, não rola mesmo.

      Eu concordo com o que você disse sobre a “repetição inteligente”, eu aplico isso já faz algum tempinho e foi assim que consegui obter mais resultados na assimilação de vocabulário, mas como disse no vídeo, cada um tem uma forma ou método que se enquadra melhor, o importante mesmo é não ficar sem estudar ou praticar o listening, importante sempre fazer o contato diário mesmo com o idioma.

      Sucessos para você Alessandro.

  • Liege Gischkow says:

    Muito boas dicas, Marcelo! Gostaria de saber onde encontro Podcasts sob essa classificação INTERMEDIÁRIO, AVANÇADO…etc., conforme você mencionou no seu vídeo acima.

    Thanks a lot!

    • Marcelo says:

      Olá Liege,
      Geralmente os sites onde os podcasts estão hospedados possuem essa info ou classificação de level.
      Você já ouve com frequência os Podcasts da Ana?
      Abraço.

  • CCllaro says:

    Excelente dicas!
    Algumas inconscientemente eu já estava aplicando e esta dando resultado, outras são novidades e irei acrescentar no meu dia a dia.

    Obrigado Marcelo e Ana.

  • Miriam says:

    Dicas muito boas, eu estou fazendo e realmente está dando certo. Faço o curso da Ana e estou lendo livros em inglês e sinto a diferença.

    Obrigada Ana e Marcelo.

    Miriam

  • >